Notícias
Aumenta interesse do brasileiro por viagens dentro do país

Levantamento feito pelo Ministério do Turismo com a Fundação Getúlio Vargas apontou preferência por destinos nacionais

Foto: BD / Agência RBS

O brasileiro está mais interessado em viajar pelo próprio país. Segundo levantamento do Ministério do Turismo com a Fundação Getulio Vargas (FGV), 23% dos entrevistados pretendem viajar nos próximos seis meses. Desse grupo, 77,4% devem ir a destinos nacionais – maior número registrado em abril dos últimos dez anos. Os demais 19,5% devem viajar a destinos internacionais e 3,1% não decidiram para onde vão.

Dez destinos turísticos que vão bombar em 2015
Dica de Viagem: roteiro para conhecer a Califórnia em cinco dias

O boletim Sondagem do Consumidor – Intenção de Viagem aponta ainda que, do total de interessados em viajar pelo Brasil, 47,3% quer ir para o Nordeste; 25,6% para a região Sudeste; 14,3% para o Sul do país; 7,4% para a região Norte; e 5,4% para o Centro-Oeste.

Para o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, o interesse dos brasileiros em conhecer mais o país se deve à alta do dólar, à quantidade de feriados no ano e à melhor infraestrutura dos aeroportos,  muitos reformados por causa da Copa do Mundo.

Uma a cada quatro brasileiras viaja sozinha, segundo pesquisa

– Aquilo que era muito caro no Brasil, como passagens aéreas e hotéis, e lá fora era mais barato, inverteu. Lá fora ficou muito caro, por causa do dólar – afirma. 

Mais de 62 milhões de turistas realizaram 206 milhões de viagens no ano passado pelo Brasil. Só com os feriados prolongados deste ano, o impacto global na indústria brasileira de viagens e turismo será de R$ 18,66 bilhões com a realização de 10,9 milhões de viagens domésticas extras, segundo estimativas do ministério.

A pesquisa Sondagem do Consumidor - Intenção de Viagem foi divulgada na última segunda, 11, e foi realizada mensalmente com 2 mil pessoas em Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo - capitais que concentram 70% do fluxo turístico do Brasil.

Qual é o dia mais barato para viajar?

Um levantamento feito pelo site de pesquisas de viagens online Kayak, apontou quais são os melhores dias para comprar voos de ida e volta com desconto.

Em uma viagem nacional, curta, de até sete dias, a economia pode ser de até 15% se a saída for na sexta-feira ou sábado e o retorno no domingo ou segunda-feira. Agora quem vai viajar para uma reunião na segunda e voltar na terça pode amargar 40% a mais que o preço médio da passagem.

Em viagens longas com mais de sete dias, os preços costumam variar menos e o valor médio tende a ser um pouco maior (cerca de 5% para voos domésticos). Em uma viagem nacional mais longa, o melhor dia para partir é domingo, com volta em uma quinta-feira – os preços podem ser 11% mais baratos.

Fonte: ZHviagens